FIVEBUCKS x #sociedadeplastica

Para encerrar o Drop 2, trazemos as ilustrações do artista Quinho Fonseca, com sua obra sociedade plástica, diretamente para nossas camisetas. A obra traz interpretações diversas do cotidiano, principalmente com a concretização do consumo de Plástico.


Lembrando que todo consumo em excesso é prejudicial e a Fivebucks Company, tem o máximo possível de cuidado na produção de nossos produtos, tendo acesso a produção local, reciclamos e aproveitamos o máximo nossas sobras de tecidos.


As camisetas ganharam a Modelagem Fivebucks Block - padrão oversiezed, em um tecido Cotton encorpado e pré lavado com a gramatura de 190m², trazendo mais peso a camiseta e alta durabilidade.



Ilustrações das camisetas:




#sociedadeplastica: é título de uma série onde ilustro consequências do consumo plástico nas estruturas sociais, nas relações entre indivíduos, produtos, situações, e suas combinações, buscando uma conexão do orgânico com o artificial, refletindo convívio pessoal, coletivo e ambiental da época que vivemos.



Nas obras dessa série abordo os comportamentos humanos com os materiais plásticos e suas consequências, apresentando reflexões sobre vida útil e uso irresponsável desse material, o quanto ele nos auxiliam ou nos afetam no dia-a-dia. A intenção é alarmar, questionar, mostrar e/ou conscientizar sobre o quão próxima e rotineira é a nossa relação com esse material que em mãos o uso pode durar horas, poucos minutos, ou até segundos, mas após o descarte vai impactar em algum lugar na natureza por muito mais tempo que nossas breves vidas.

O Plástico, derivado do petróleo, além de ser um material moldável, economicamente viável, produzido e comercializado em larga escala e distribuído globalmente, é minimamente reciclado e seu descarte intenso e resistente à intempéries, gera um impacto alarmante na natureza, imensurável para o planeta e seres vivos. A todo momento, pessoas no mundo todo tem contato direto e indireto com algum tipo de plástico, compram, descartam, ingerem, carregam, vendem, trocam... O plástico hoje está tão inserido e disseminado na sociedade, que é praticamente impossível imaginar o mundo sem ele.

O saco plástico embalando a cabeça supõe que estamos sufocados socialmente, nos tornando aquilo que consumimos ou acreditamos ser, mas também relaciono à plasticidade cerebral, a capacidade de nosso cerébro se adaptar à todas as constantes trocas de informações humanas do mundo físico, acumuladas num espaço virtual em formatos e extensões de arquivos audiovisuais, gerando conteúdo, memes, exposições e expressões de vidas isoladas em buscas coletivas, somadas a sentimentos e anseios. Acredito que essa necessidade das pessoas estarem cada vez mais conectadas virtualmente como tentativa de estarem mais próximas umas das outras, causará transtornos contemporâneos. A virtualização da vida e seus contatos tornam as pessoas mais artificiais, menos ativas, mais estáticas, cada vez mais próximas de se tornarem um subproduto de mutação da relação do ser consciente com o seu objeto de consumo demasiado.


Texto do artista: Quinho Fonseca, Idealizador do projeto #sociedadeplastica




176 visualizações

© 2020 Fivebucks Company